Faça sua encomenda!

Seja Bem-Vindo(a) ao Mundo do Sabor -
Aqui você encontra deliciosas receitas práticas ,
com gostinho de comida caseira
feitas com muito amor e carinho.
Além de tudo um pouco de prosa
falando do que amo,
do que sinto com muita simplicidade.



Telefone para encomendas : 8521-2289 (Oi)


Se Deus é por mim ,quem será contra mim?Jesus nos protege sempre.

Quer seguir meu blog, ver novas postagens atualizadas?Então siga !!

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Beijinho Xamego Bom







Fiquei super feliz, ao receber uma caixa da Xamego Bom, recheada de doces novidades.As meninas pularam de alegria!!Veio Beijinho, doce de leite, cocada cremosa, brigadeiro ,cajuzinho e recheio cremoso de chocolate, muitas delícias, e com a qualidade da Xamego Bom.
Para estrear com chave de ouro,enrolei os beijinhos da Xamego Bom, práticos e com um sabor imcomparável e dei uma nova roupagem muito elegante.Porque meus parceiros são nota 10, nada de fazer propaganda se não forem realmente bons, e estes assino embaixo.
É só enrolar, e para dar um toque de charme e glamour na mesa de aniversário ,coloquei-os em tacinhas azuis, com tapetinhos de plástico,e palitinhos com borboletas azuis de papel,ficaram encantadores.
Estas tacinhas e os outros componentes, são vendidos em casas de artigos para festa.
Eu indico para que sua festa fique saborosa e você fique linda com tempo para fazer outras coisas como se embelezar por exemplo, com a confiança num produto nota 1000, adquira os produtos da Xamego Bom,você vai adorar!!!
Aguardem mais delícias com estes produtos que amo de paixão.


segunda-feira, 25 de abril de 2016

Bolo mármore




O bolo mármore é fácil de fazer , fica fofinho e ideal para o café da manhã ou da tarde.Não precisa de recheios ou coberturas ,ele só já é a estrela do lanche das crianças.Vou ensinar para vocês uma receita simples e deliciosa:

Bolo Mármore 


Ingredientes:

  • 3 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • 2 xícara (chá) de açúcar
  • 4 ovos inteiros
  • 4 colheres (sopa) de margarina
  • ½ colher (chá) de essência de baunilha
  • 2 colheres (sopa) de chocolate em pó
  • 1 xícara (chá) de leite morno
  • 1 colher (sopa) rasa de fermento em pó
Modo de fazer :


1. Comece a receita peneirando a farinha de trigo, pois assim a massa vai ficar mais leve e macia.
2. Pré-aqueça o forno a 180 graus.
3. Na batedeira, junte o açúcar, a manteiga, os ovos e a essência de baunilha. Bata bem.
4. Acrescente o leite aos poucos, sem parar de bater. Depois, faça o mesmo com a farinha de trigo. O último ingrediente que deve ser adicionado é o fermento em pó.
5. Separe 1/3 da massa em uma outra vasilha. Nessa porção, você deve acrescentar o chocolate em pó e misturar bem, com o auxílio de um fuê.
6. Providencie uma forma de buraco no meio. Unte-a com margarina e farinha.
7. Coloque a massa branca e a massa de chocolate de forma alternada. É esse o segredo para conquistar a típica coloração marmorizada.

domingo, 24 de abril de 2016

Nhoque fitness 0 glúten





Quem decide levar uma vida mais saudável, mas gosta de uma comida italiana, irá se apaixonar por esta receita.
Sabemos que  é necessário obter energia dos lugares certos, e é aí que entra a batata-doce, pois é uma fonte limpa por ser carboidrado complexo com baixo índice glicêmico.
Eu fiz essa receita de nhoque de batata-doce e ficou muito bom, nem eu esperava que ficasse tão legal,mas ficou,e passo minha receita para vocês.


Nhoque de batata doce fitness


Ingredientes :


  • 2 batatas-doce médias
  • 1 xícara de farelo de aveia
  • 1/2 xícara de farinha sem glúten (pode ser farinha de arroz ou fécula de batata)
  • 1/4 xícara de azeite ou óleo de coco
  • sal rosa a gosto.



MODO DE PREPARO:

1. Cozinhe as batatas por 25 minutos, de preferencia no vapor.
2. Retire a casca.
3. Depois, amasse bem enquanto estiver quente, reserve
4. Num recipiente liso, acrescente os outros ingredientes ao purê, até que a massa fique homogênea e elástica.
5. Divida em algumas porções e forme rolinhos, até obter a espessura desejada.
6. Corte em pedaços de mais ou menos 2 cm.
7. Em uma panela grande, ponha água para ferver
Após fervida, adicione os nhoques aos poucos.
8. Quando subirem a superfície, significa que está bem cozido,
É bem rapidinho.
9. Retire com uma escumadeira, deixando escorrer toda a água.Sirva com o molho de sua preferência.Fiz um molho de tomate caseirinho.

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Bolo de banana caramelizada













Massa macia, cobertura dourada com doçura na medida certa. 


Confira a receita, você vai querer fazer muitas vezes,êta bolinho gostoso.





Bolo de banana caramelizada

Rende 16 pedaços
Para o caramelado
1 xícara de açucar
3 bananas nanicas grandes,cortadas em rodelas de 0,5 cm de espessura.
Para a massa
3 ovos
1/2 xícara de leite
1 colher de chá de essência de baunilha
1 xícara de açucar
2 colheres sopa de manteiga
1 1/2 xícara de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó.
Prepare o caramelado :
Leve o açucar ao fogo até caramelizar.Despeje numa forma de 24 cm e espalhe no fundo e nos lados.Distribua as rodelas de banana apenas no fundo.
Prepare a massa :
Coloque todos os ingredientes da massa no liquidificador.Bata rapidamente apenas para misturar.Despeje sobre a banana.Asse em forno quente 200° C,pré-aquecido,por 40 minutos.Retire do forno e desenforme quente.195 calorias por pedaço.



quinta-feira, 21 de abril de 2016

Tapioca













Nas primeiras décadas pós-descobrimento, viajantes estrangeiros já registravam a existência dos beijus, preparados pelos índios com a goma da mandioca. Segundo a antropóloga Paula Pinto e Silva, autora do livro Farinha, feijão e carne-seca – Um tripé culinário no Brasil colonial (Senac-SP), tais bolos redondos, regados com mel, eram consumidos logo pela manhã e ao longo do dia.
 Embora diretamente associada à dieta diária do Norte e Nordeste do Brasil, a farinha de tapioca ultrapassou as fronteiras dessas regiões. As famosas panquecas, com recheios doces ou salgados, chegaram aos menus dos restaurantes do Sul e Sudeste, assim como os bolos, os pudins e os sorvetes.  – As escravas vindas do noroeste da África, de origem muçulmana, adotaram a farinha de tapioca como substituta da sêmola no cuscuz e, aos poucos, foram incorporando a ela ingredientes comuns na Bahia, como o açúcar e o coco.Adotado pelas senhoras portuguesas por sua semelhança com o já conhecido filhó e pela falta de pão de trigo que acompanhasse as refeições, o beiju saiu das aldeias e entrou nos alpendres e nas varandas, alargando as possibilidades do paladar europeu”, ela afirma. Diferente da farinha comum, produzida a partir das fibras da mandioca, a farinha de tapioca provém do amido.. A diferença em relação às versões industrializadas, está na textura. “A farinha de tapioca artesanal fica crocante e pode ser mastigada in natura. As indústrias tentam reproduzir o processo em grandes caldeiras, mas o resultado são grânulos mais rígidos, que devem ser colocados de molho antes do preparo.
Aqui onde moro aos domingos há mais de 20 anos ,era acordada com a cantilena cadenciada e morna da vendedora ,de cuzcuz,o molhadinho de coco.
Lá vinha ela cantando em alto e bom som, que por incrível que pareça ,detesto barulho ,principalmente que me acordem,mas acostumei-me com a cantiga que já faz parte do nosso cotidfiano,e rapidamente ia pegar o meu prato e arrematar a iguaria ,que é a atriz principal, cujos codjuvantes são o lelê, o cuzcuz de milho.
"Tem beiju e tem lelê e cuzcuz de carimã,olha aêeeee o molhadinho de cocoooooo!!O molhadinho é o cuzcuz de tapioca.
Antigamente era uma senhora que passava , hoje é uma jovem mulher, a qual perguntei pnde estava a outra vendedora, é sua mãe que pela idade, aposentou-se e hoje ela continua o legado da venda do molhadinho de coco,que sustentou sua família através dos braços hoje cansados de sua mãe, e hoje pelos seus próprios braços.Puxando a memória mais um pouquinho,lembrei-me da vendedora menina,segurando a barra da saia da mãe, e pedindo, me dê um pedaço....e pacientemente a mãe respondia, ,o seu já tá separado, quando for vender na rua de baixo te dou,minha menina, e tascava um beijo barulhento no rostinho miúdo da menina.
Fiz várias tapiocas aqui em casa,que nos serviu de almoço,poucas calorias,deliciosa, pegue os ingredientes e mãos á obra.



Tapioca
Ingredientes
  • Goma de Mandioca Hidratada
  • 1 Pitada de Sal
  • Frango desfiado
  • milho
  • Uvas passas
  • Ervilha
  • Queijo  mussarela
  • Presunto
Instruções
  1. Peneire uma porção de goma de mandioca hidratada em uma vasilha.
  2. Acrescente a pitada de sal (isso vale tanto para a tapioca doce quanto para a salgada).
  3. Preaqueça a frigideira, de preferência antiaderente.
  4. Com uma colher, polvilhe a tapioca na frigideira preenchendo toda sua superfície com a goma.
  5. Passe a colher sobre a tapioca para que um lado não fique maior que o outro, tornando-a plana e uniforme.
  6. Aqueça na frigideira por cerca de 5 minutos.
  7. Depois, basta acrescentar o recheio e enrolá-la.